o Armagedom

By Estudos do Fim

Vem o Fim !

"Eis que vem o dia do Senhor, horrendo, com furor e ira ardente, para pôr a terra em assolação, e dela destruir os pecadores."  Is. 13:9

"Ai do dia! Porque o dia do Senhor está perto, e virá como uma assolação do Todo-Poderoso." Joel 1.15

"Aquele dia será um dia de indignação, dia de tribulação e de angústia, dia de alvoroço e de assolação, dia de trevas e de escuridão, dia de nuvens e de densas trevas." Sof. 1.15

"E as cidades habitadas serão devastadas, e a terra se tornará em desolação; e sabereis que eu sou o Senhor."  Ez. 12.20

"E tornarei a terra em desolação, porquanto grandemente transgrediram, diz o Senhor Deus. Ez. 15.8

"Mas, quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, sabei então que é chegada a sua desolação." Luc. 21.20

"Hei de consumir por completo tudo de sobre a terra, diz o Senhor. Consumirei os homens e os animais, consumirei as aves do céu, e os peixes do mar, e os tropeços juntamente com os ímpios; e exterminarei os homens de sobre a terra, diz o Senhor."  Sof. 1:2-3

"Porque com fogo e com a sua espada entrará o Senhor em juízo com toda a carne; e os mortos do Senhor serão multiplicados."  Is. 66:16

 

 

O Armagedom, quando ?

Bom, a 70ª semana da profecia (Daniel 9) que é composta de 7 anos (igualmente às outras 69 semanas da profecia já cumpridas), se iniciará mediante um Pacto: um santo concerto. (Dan. 9:27 - Dan. 11:28,30)

E, a grande tribulação se estabelece na metade desta 70ª semana (por exatos três anos e meio). E o evento repentino que a estabelece é a abominação desoladora no "lugar santo" (Mat. 24:15,21)

Esta abominação desoladora que há de ser estabelecida pelo príncipe que há de vir (anticristo) perdura-se por 1290 dias; o que também fará a grande tribulação perdurar-se por iguais 1290 dias (de 24 horas). (Dan. 12:11)

E, cessando-se a abominação também finda-se a Grande Tribulação - como também expira-se a 70ª semana profética; todos estes eventos serão findados mediante um EVENTO único: A volta de Cristo!

Cristo é quem finda a abominação desoladora (sem tocar no anticristo, sem retirá-lo do templo e sem aniquilá-lo); Cristo é quem finda a grande tribulação; finda a 70ª (e última) semana da profecia!

E, a volta de Cristo p/ a ressurreição (dos que dormem em Cristo) e arrebatamento dos santos é que consuma, finda a 70ª semana - e se dará ante a última trombeta (7ª do Apocalipse).

E a vinda de Cristo na 7ª trombeta está separada da Sua outra vinda p/ o Armagedom por um período de 45 dias; e é identificado no Apocalipse por dois eventos visíveis e distintos: Última Trombeta e Última Salva.

Cada qual desses eventos se cumpre em sua respectiva época.

Na sétima trombeta é chegado o tempo de serem julgados os mortos, e o tempo de galardão aos profetas, teus servos e aos santos, e a todos os que temem o teu nome... (Apc. 11:18)

Isso se dará a término da grande tribulação e término da 70ª semana no último dia desta - a 1290 dias depois de estabelecida a abominação desoladora no lugar santo. (Jo. 6:39-40 - Jo. 6:44 - Mat. 24:29-31)

Porque é o arrebatamento (e a ressurreição) que findam a 70ª SEMANA da profecia, expirando-a devido ao retorno do Senhor - porque Ele é quem consuma a 70ª semana profética!

Pois tanto a Grande Tribulação quanto a 70ª semana terminam-se conjuntamente mediante o sinal do Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória! Amém!

 

Já, a Batalha do Armagedom ocorre-se 45 dias após tais eventos, ou seja: 45 dias após o arrebatamento da igreja (e 45 dias após término da 70ª semana) os quais se cumprem a 1290 dias depois de estabelecida a abominação da desolação no lugar santo; quando também já se houverem celebrado (nos céus) as Bodas do Cordeiro, como também derramadas sobre a terra as 7 salvas da ira de Deus (Apc. 16); eventos distintos, porém simultâneos. 

Porque tanto as 7 salvas quanto as bodas do Cordeiro ocorrem-se entre o arrebatamento e o Armagedom; num período de tempo de 45 dias que separam ambos eventos; lembrando que o Armagedom só virá após a 7ª salva

Assim, ao cumprir-se a 7ª salva e seu respectivo dano, então se verão os céus abertos e o Senhor (seguido de exército) em cavalos brancos, vindo a ferir c/ vara de ferro as nações no Armagedom. (Apc. 2:27 e Apc. 19:15) 

As quais serão quebradas como um vaso de oleiro. (Sal. 2:9)

 

Lembrando-se de que, se na última trombeta (arrebatamento) o Senhor vem (como o ladrão na noite) tomando a todos de surpresa; no Armagedom, tanto o anticristo quanto a besta e seus seguidores já estarão aguardando-o, congregados e em prontidão (no Armagedom) p/ a batalha; então diz:

"E os congregaram no lugar que em hebreu se chama Armagedom." (Apc. 16:16)

"E vi a besta, e os reis da terra, e os seus exércitos reunidos, para fazerem guerra àquele que estava assentado sobre o cavalo, e ao seu exército." (Apc. 19:19)

 

Só pra evidenciar a enorme diferença entre as 7 trombetas p/ as 7 salvas: nas trombetas toda a destruição material se efetua à sua terça parte de alguma coisa: seja erva verde, seja o mar, seja o ar, sejam os homens etc. (Apc. 8 e 9).

Nas salvas, a destruição será total, é 100%, e nada na face da terra há de restar!

Até as ilhas e os montes serão removidos do respectivo lugar...

E, quando João, em Apocalipse 15, contempla no céu os 7 anjos das 7 salvas (saindo do tabernáculo do testemunho) a fim de derramá-las sobre a terra, também contempla no mesmo céu (junto ao mar de vidro) os vitoriosos da besta (e da sua imagem, e do seu sinal, e do seu número) cantando a Deus c/ harpas nas mãos. (Apc. 15:1-3)

Ou seja, já cumpriu-se o arrebatamento!

É a partir de então, que as 7 salvas se desencadeiam sobre a terra (Apc. 15:5-8 - Apc. 16); e, as 7 salvas se cumprem dentro dos 45 dias que separam o arrebatamento do Armagedom.

Tais eventos se cumprem e podem se perceber nas datas proféticas prefixadas em Daniel 12:11-12.

 

Como podemos entender isso???

- Ora na metade da 70ª semana, o anticristo (após cessar o holocausto contínuo) prevalece c/ a abominação desoladora durante 1290 dias - ao fim dos quais, a abominação desoladora cessa-se! (Dan. 12:11)

E por quê e como cessa a abominação desoladora (do anticristo) a término dos 1290 dias? depois de estabelecida???

- É justamente por causa da volta de Cristo Jesus, pois é mediante à Sua Manifestação em poder e grande glória que a 70ª semana da profecia EXPIRA-SE (finda-se) em Jerusalém e sobre Jerusalém; o que faz com que tanto a cidade quanto o santuário (até então, santificados durante toda a 70ª semana) percam definitivamente (após expirada a semana profética) toda a sua função, santificação e razão de ser tornando-se de imediato comuns e não mais sagrados.

Porém, conforme Daniel 12:12 (embora a abominação cesse após 1290 dias) mas ainda se registra contagem do tempo até os 1335 dias (após retirado o sacrifício contínuo)

Ou seja, o sacrifício continuo é retirado (na metade da semana profética) havendo desde então 1290 dias de abominação desoladora; e, passados os 1290 dias, a abominação cessa-se; mas ainda há contagem de tempo por mais 45 dias, indo-se a 1335 dias. (Dan. 12:11-12)

Então, irmãos, são nesses fixados 45 dias (depois de cessada a abominação desoladora) e terminada a 70ª semana profética - período no qual o anticristo ainda detenha total controle mundial, inclusive sobre Jerusalém (porém, não mais agora cidade santa, devido ao término da 70ª semana) e sobre o mesmo Templo (também não mais sagrado) é que então, se derramarão as 7 salvas da ira de Deus sobre a terra e o reino da besta, consumando-se a ira de Deus nesse mundo- por um espaço de 45 dias; ao fim dos quais cumprir-se-á o último evento neste mundo de pecado: o Armagedom - porque a batalha é o evento final a estabelecer-se sobre este mundo, antes do milênio, e ela ocorre-se somente após derramada a 7ª salva!

Lembrando que na 7ª salva é dito: 

E sobre os homens caíram pedras de saraiva do peso de um talento (± 35 kg). E houve tão grande terremoto como nunca havido, não ficando (em toda a superfície terrestre) pedra sobre pedra que não seja derrubada. E caíram as cidades das nações e toda a ilha e monte foram removidos do lugar (tal será o nível do terremoto). (Apc. 6:12-17 - Apc. 16:17-21)

Então ocorre a Batalha.

 

Só pra enfatizar:

Nesse respectivo período dos 45 dias finais (após cessarem os 1290 dias da abominação) nos quais se contam o tempo até 1335 dias, é que se derramam as sete salvas da ira de Deus, e as nações serão regidas c/ vara de ferro, e quebradas como se fossem vaso de oleiro.  (Sal. 2:9)

E, jamais durante o MILÊNIO !!!!!!

O MILÊNIO É DE PAZ! O MILÊNIO É O CÉU NA TERRA!

No milênio é estabelecido o reino de Deus sobre toda a terra, é a oração do "Pai Nosso" cumprida - a qual diz: Seja feita a tua vontade assim na terra como no céu!

E assim será! Amém!

 

Salvas:

na 1ª salva - chaga maligna nos homens - Apc. 16:2

na 2ª salva - o mar torna-se em sangue e tudo quanto nele há é morto! - Apc. 16:3

na 3ª salva - toda a água doce torna-se sangue - Apc. 16:4

na 4ª salva - o sol é aquecido 7 vezes mais, e abrasa os homens c/ grande calor - Apc. 16:8-9

na 5ª salva - chagas e dores sobre o reino da besta - Apc. 16:10-11

na 6ª salva - seca-se o Eufrates p/ que a besta congregue seus exércitos no Armagedom - Apc. 16:12-16

na 7ª salva - grande terremoto na terra como nunca havido desde que houve nação - e dos céus caem grande saraiva sobre os homens: pedras do peso de um talento, e os homens blasfemam de Deus - e as cidades das nações caíram, e toda ilha e monte são removidos de lugar - Apc. 16:17-21

 

Tudo isso ocorre como estabelecido - Daniel 12:11-12.

Pois desde o tempo que a abominação da desolação for estabelecida haverá 1290 dias; ao fim dos quais cessa-se a abominação; e ainda se conta o tempo até 1335 dias; as salvas se darão entre os 1290 dias e 1335 dias. Também as Bodas do Cordeiro se celebram entre tais períodos.

 

É a término dos 45 dias finais (entre 1290 dias e os 1335 dias) que cumprir-se-á sobre a terra a regência das nações c/ vara de ferro, na qual regência, as nações serão quebradas como se fossem um vaso de oleiro; e o Senhor virá sobre cavalo branco seguido de seu exército; e a besta e o anticristo são presos e lançados no lago de fogo. (Apc. 19:19-20 - II Tes. 2:8)

E os demais todos, todos os homens: toda a carne vivente será morta! (Apc. 19:21)

Expira-se toda carne! (Is. 66:16)

É aqui, na consumação dos séculos! que se cumprirá uma ou duas promessas proféticas estabelecidas na profecia das 70 semanas, a saber:

A extinção da transgressão!

E o findar dos pecados! Pois este é o fim de ambos.

 

É o cumprimento de Daniel 9:24 quando afirma que ao cabo das 70 semanas determinadas sobre Jerusalém e os judeus, o pecado será findado e a transgressão extinta - isso se dá mediante o fim de toda a carne! Amém!

Porque o pecado só termina-se mediante a morte dos pecadores, mediante o fim da carne de pecado; o mesmo se dá p/ com a transgressão.

Lembrando que o próprio Satanás (que sempre esteve livre) também nesse período é aprisionado por mil anos. Amém!

Também é aqui que se cumpre definitivamente um dos muitos jotas e tis da lei: o certamente morrerá (de Gêneses), quando Deus assim determinara a Adão; aqui ele se cumpre em todos e sobre todos!

 

 

Batalha do Armagedom - será contra Israel ?

Não!

Na verdade, Jerusalém há de ser tomada e pisada por toda a Grande Tribulação (de início a fim).

Jesus diz:

"Mas, quando virdes Jerusalém cercada de exércitos, sabei então que é chegada a sua desolação." (Luc. 21:20)

Também Apocalipse afirma:

"E deixa o átrio que está fora do templo, e não o meças; porque foi dado às nações, e pisarão a cidade santa por quarenta e dois meses." (Apc. 11:2)

 

Prestemos atenção: o Senhor diz que: ao ser Jerusalém cercada de exércitos, é chegada sua desolação (e não o seu livramento).

Também Jesus diz o que acontece na exata hora, quando Jerusalém for cercada de exércitos:

"Então, os que estiverem na Judéia, fujam para os montes; os que estiverem no meio da cidade, saiam; e os que nos campos não entrem nela.

Porque dias de vingança são estes, para que se cumpram todas as coisas que estão escritas.

Mas ai das grávidas, e das que criarem naqueles dias! porque haverá grande aperto na terra, e ira sobre este povo.

E cairão ao fio da espada, e para todas as nações serão levados cativos; e Jerusalém será pisada pelos gentios, até que os tempos dos gentios se completem." (Luc. 21:21-24)

 

Atentemos:

Todos esses eventos estão também relatados em Mateus 24 e Marcos 13 (capítulos similares), quando é mencionada a Abominação Desoladora no lugar santo; na qual, o homem do pecado se assentará como Deus, no templo de Deus, como se fora Deus!  (esse evento jamais ocorreu pela história)

É nesse exato instante (da abominação desoladora) que instaura a Grande Tribulação no mundo por 42 meses; ou, um tempo, tempos e metade de um tempo, ou ainda precisamente por 1290 dias, ao fim dos quais, o Senhor retorna!

Em mesma época se diz:

"E foi-lhe dada uma boca, para proferir grandes coisas e blasfêmias; e deu-se-lhe poder para agir por quarenta e dois meses." (Apc. 13:5)

 

Em suma, Jerusalém há de ser pisada e assolada pelo anticristo; e os judeus cairão ao fio da espada e para todas as nações serão levados cativos, e Jerusalém será pisada pelos gentios até que o tempo dos gentios se completem. (Luc. 21:24)

E qual é o tempo dos gentios???

"E deixa o átrio que está fora do templo, e não o meças; porque foi dado às nações, e pisarão a cidade santa por quarenta e dois meses." (Apc. 11:2)

Portanto, Jesus já definiu que após o cerco de exércitos a Jerusalém (Lucas 21:21), é chegada a sua desolação.

Assim sendo, à batalha do Armagedom (que só ocorre 45 dias após findada a Grande Tribulação) não será contra Jerusalém (que já fora totalmente pisada, e tomada durante 42 meses e os judeus dispersos); mas o Armagedom é Batalha entre o anticristo, a besta e os homens contra o Rei dos reis:

"E vi a besta, e os reis da terra, e os seus exércitos reunidos, para fazerem guerra àquele que estava assentado sobre o cavalo, e ao seu exército." (Apc. 19:19)

 

A besta e o anticristo reúnem seus exércitos no Armagedom (não p/ fazerem guerra e assolar Jerusalém - coisa que já cumprida por 42 meses durante toda a grande tribulação); mas o Armagedom é GUERRA contra AQUELE que vem ferir a terra (e as nações) com a espada de sua boca, a saber: Cristo Jesus!

Amém!

 

E os salmos 2 nos define tal evento:

"Tu os esmigalharás com uma vara de ferro; tu os despedaçarás como a um vaso de oleiro."

(Sal. 2:9 - Apc. 19:15)

 

 

( última correção/alteração - 02/05/2017 )

 

Voltar

Topo